Silenciar //

Quantas vezes o mais desesperado grito contém-se nas tão calmas entrelinhas do simples ato de silenciar? Escrevo para revelar os gritos do meu próprio silêncio. Para sentir e ressentir. Caso não haja mais sentimento? Muito prazer, se você aceitar, a gente inventa.

A natureza da saudade é ambígua: associa sentimentos de solidão e tristeza - mas, iluminada pela memória, ganha contorno e expressão de felicidade. Quando Garrett a definiu como “delicioso pungir de acerbo espinho”, estava realizando a fusão desses dois aspectos opostos na fórmula feliz de um verso romântico. Em geral, vê-se na saudade o sentimento de separação e distância daquilo que se ama e não se tem. Mas todos os instantes da nossa vida não vão sendo perda, separação e distância? O nosso presente, logo que alcança o futuro, já o transforma em passado. A vida é constante perder. A vida é, pois, uma constante saudade. Há uma saudade queixosa: a que desejaria reter, fixar, possuir. Há uma saudade sábia, que deixa as coisas passarem, como se não passassem. Livrando-as do tempo, salvando a sua essência da eternidade. É a única maneira, aliás, de lhes dar permanência: imortalizá-las em amor. O verdadeiro amor é, paradoxalmente, uma saudade constante, sem egoísmo nenhum.

  1. desconsolavel reblogou esta postagem de recomendar
  2. regularizada reblogou esta postagem de ritualizar
  3. bibocaworld reblogou esta postagem de delator
  4. enfermeira-da-saudade reblogou esta postagem de delator
  5. ritualizar reblogou esta postagem de delator
  6. exprotagonista reblogou esta postagem de delator
  7. infini-to-particular reblogou esta postagem de delator
  8. laizuliana reblogou esta postagem de delator
  9. amarfoiminharuina reblogou esta postagem de delator
  10. purple-tube reblogou esta postagem de delator
  11. herois-anonimos reblogou esta postagem de delator
  12. em1lugardistante reblogou esta postagem de delator
  13. delator reblogou esta postagem de reinverbos
  14. coracao-d-tinta reblogou esta postagem de reinverbos
  15. digrafar reblogou esta postagem de reinverbos
  16. decrivnt reblogou esta postagem de reinverbos
  17. alquimismo reblogou esta postagem de reinverbos
  18. relancez reblogou esta postagem de reinverbos
  19. reinverbos reblogou esta postagem de titanicos
  20. veneno-e-amor reblogou esta postagem de construindoversos
  21. troublem-a-k-e-r reblogou esta postagem de silenciar
  22. yasmiinazevedo reblogou esta postagem de par-ti-da
  23. vidalonga-mundo-pequeno reblogou esta postagem de desconsolavel
  24. proliferas reblogou esta postagem de recomendar
  25. kassiasouzar reblogou esta postagem de recomendar
  26. all-ofmy-mind reblogou esta postagem de recomendar
  27. myheartlosecontrol reblogou esta postagem de recomendar
  28. maisumapaaixonada reblogou esta postagem de recomendar
  29. incompartilhavel reblogou esta postagem de recomendar
  30. 69comtrident reblogou esta postagem de recomendar
  31. escandalos-p-o-e-t-i-c-o-s reblogou esta postagem de recomendar
  32. cafe-com-leitederosas reblogou esta postagem de recomendar

Deixe sua mensagem

Antes de qualquer coisa: aqui não é o local adequado para perguntas sobre themes. Envie a palavra "com" sempre abreviada, pois o tumblr a interpreta como spam e sua mensagem não chega. Antes de enviar sua mensagem, leia as perguntas frequentes, pois mensagens já respondidas serão ignoradas. Para mensagens muito grandes, você pode usar o submit.

Blogroll

Créditos

Pour Être Belle, Pour Être BelleThemes: Themes Lycoris e Septimus — inspiração
Fancybox — mac-style lightbox (janelas em "pop-up")
Silenciar — tema, para uso exclusivo